translate

novos_ perfil e header no facebook




Para consultar, ide aqui.

296 - composição

Só agora demos conta que ultrapassámos as 10000 visitas no blogue. 
Esta é a composição comemorativa. E juntem-lhe um obrigado!

295 - bigode pente

























- Que bigode tão feio...
- Que comentário tão estúpido.

294 - iron man

























Ouvi petardos, balas de borracha, pedras da calçada rolando até ao rio.
Ouvi tudo, de tudo. Cheira-me a fumo, árvores a arder, cães em pânico.
Políticos acorrem aos carros largando moedas para afastar as pessoas.
Jornalistas: esta é a sua manifestação.

293 - mini guedes

























Este é o Guedes.
Não aquele do país e do mundo.
Nem tampouco o que tem de sair da frente.
É o amigo das já várias odisseias.

292 - olhos cerrados

























Se cerrarmos os olhos para o cinzento e
formos bem, bem fundo procurar, vemos um bonito arco-íris.
Mesmo por entre as mágoas.

291 - gazela

























Quando pequenas, as gazelas não têm cheiro.
Com essa vantagem, os pais escondem a cria no pasto mais alto,
dificultando a ação dos predadores.
fonte: enciclopédia mundial em 39 servidores

290 - desorelhado

























Causa: há demasiado ruído.
Efeito: aparelhos, aparelhinhos, aparelhómetros sem som = alegria.

289 - homem homem

























A angústia que é decidir acrescentar algo à obra.
Há um momento em que tudo está fechado,
mas certo detalhe pode fazer toda a diferença.

288 - nariz torto


























A partir de determinada altura, nos já saudosos álbuns de fotografias,
o meu nariz aparece partido. Não tenho qualquer memória da causa.

287 - bica de Duarte Belo

























Quem foi Duarte Belo?
Tantas vezes olhei para a placa e só agora me intrigou o nome.

286 - descendência

























O maravilhoso universo da descendência.
Comove-me este tão-velho-sujo papelinho.
E parabéns ao pai!

285 - piss and love

























Mais um dia de greve.
Manifestantes mais magros.
E cada vez menos paz.

284 - miss piggy

























Eu percebo. É claro que percebo a analogia com a Miss Piggy.
No entanto não é justo, pois a pobre porca teve como único pecado
apaixonar-se por um sapo.

283 - moderno

























Este ano sugiro não comprar presentes em grandes superfícies.
Apenas em pequenos produtores e micro empresas portuguesas.
Revitalizar a economia a partir do Natal.

282 - fórmula

























A grande questão está em encontrar a receita para superar o "mal".
Depois de descobrir a receita, qual a cenoura? 

281 - senhora

























Estamos a voltar ao tempo da outra senhora.
- Qual senhora?

280 - incompleto

























Pensamentos soltos...
Ser o mais rico dos pobres ou o mais pobre entre os ricos?

279 - linhas

























Olhar linhas por muito tempo cria uma grande angústia.

278 - galinha-dragão

























A desintoxicar a alma.